..

22 de fev de 2019

Vancouver: intercâmbio com cultura, qualidade de vida e muita aventura


Ah, o Canadá! 💗
  
O Canadá, com toda sua diversidade natural, sem dúvidas convida turistas de todo mundo a se aventurarem por suas terras! O país concentra grande diversidade de paisagens naturais, e um de seus locais que mais atraem turistas é a cidade de Vancouver, principal destino procurado por que está aprendendo o idioma. Por se tratar de um cidade pequena e voltada para o turismo, é indicada pra quem deseja fazer cursos de idiomas. Também garante fácil adaptação para pessoas de fora e tem um ritmo de vida interessante, principalmente para jovens de até 20 anos de idade.


E hoje a gente vai conhecer como foi a experiência do Luis Gustavo ficou em Vancouver. Ele contou um pouco sobre a sua temporada na cidade e o que o motivou a escolher este destino!

Luis Gustavo em Vancouver

Que motivos impulsionaram você a realizar um intercâmbio
Melhorar meu inglês e ter uma segunda língua fluente.

Como foi o período anterior à viagem, de pesquisas, organização e preparação?
Bem tranquilo, minha mãe por morar longe de mim acabou resolvendo tudo só ajudei na escolha do lugar e peguei o melhor local na minha opinião em custo benefício.


E quando chegou por lá em janeiro, quais foram as impressões da cidade? 
Maravilhosa, porém bem diferente então você leva um tempo pra você acostumar ou seja, indico sempre um intercâmbio de 2 meses no mínimo.

Como foi a dinâmica das aulas? 
Divertidas e interativas, você terá prazer de ir as aulas.

O que destaca de diferencial nas aulas e/ou no cotidiano que foi fundamental para seu aperfeiçoamento em inglês? 
Você está imerso em meio a pessoas que só falam em inglês, sendo assim você fala inglês o dia todo aprendendo muito rápido a cada dia.

                                                 

O que aproveitou para conhecer nas horas livres?
Cidades próximas, praias, pontos turísticos todos maravilhosos. 

Como avalia a evolução no aprendizado do idioma?
A cada dia uma coisa nova, uma aula diferente, você sempre esta melhorando e às vezes você nem se dá conta.

Quais foram os maiores lições que absorveu com essa experiência?
Sempre ajudar o próximo porque sempre tem alguém novo e crescer como pessoa sempre que possível.



Luis Gustavo, obrigado por contar um pouco da sua história pra gente! É muito bom saber que essa experiência te trouxe muitas surpresas e aprendizados.

Que tal colocar o Canadá na sua agenda pra 2019? Embarque no mundo com a gente!

15 de fev de 2019

Intercâmbio em Auckland: aventura no paraíso neozelandês

Olha só a cidade que vamos falar hoje e o que ela tem! 😎

💙 3º lugar no ranking de cidades com melhor qualidade de vida do mundo
💙 
48 vulcões pelo território
💙 102 praias


Só com essas três qualidade, não dá pra imaginar nada menos do que um lugar paradisíaco, né?! Isso tudo você pode encontrar Auckland, na Nova Zelândia! 

Agora, olha só o que tem mais por lá!

Auckland | Nova Zelândia


Centro financeiro da Nova Zelândia, Auckland está rodeada de modernidade e uma natureza exuberante. É sinônimo de boa gastronomia, cruzeiros e atividades esportivas como o surf e, a apenas 40 minutos, também é possível conhecer a paradisíaca ilha Waiheke. Para os consumidores de plantão, a cidade também é um excelente centro de compras. 

Quem desfrutou disso tudo foi o nosso entrevistado de hoje, o Gabriel, em um intercâmbio em inglês pelas terras neozelandesas. Vamo ver o que ele contou?! 


Que motivos impulsionaram você a realizar um intercâmbio? Principalmente o que me levou a fazer o intercâmbio foi a necessidade no mundo moderno de se ter domínio da língua inglesa, mas com certeza a vontade de viajar e conhecer outras culturas também influenciou.

Como foi o período anterior à viagem, de pesquisas, organização e preparação? A agência cuidou de tudo, só tive que conversar algumas vezes com a Natasha Cunha, que me passou todas as dicas e instruções e me ajudou na organização.

E quando chegou em Auckland, quais foram as suas primeiras impressões da cidade? A primeira impressão de Auckland foi de achar a cidade ao mesmo tempo pequena e aconchegante, mas também grande e sempre com muitas atividades pra fazer.

Como foi a dinâmica das aulas? Tive aulas bastante interessantes, que combinavam discussões acaloradas, debates organizados, testes, leituras acadêmicas e realização de redações.

O que destaca de diferencial nas aulas e/ou no cotidiano que foi fundamental para seu aperfeiçoamento em inglês? O diferencial foram os debates que o professor criava, separando os alunos em grupos e forçando-os a defender um ponto de vista de maneira muito interessante.

O que aproveitou para conhecer nas horas livres? Nas horas livres conheci praias bonitas, ilhas paradisíacas e festas tão malucas quanto as pessoas nelas. Mas tão bom quanto conhecer lugares foi conhecer pessoas, lembrarei pra sempre.



Como avalia a sua evolução no aprendizado do idioma, ao concluir o intercâmbio? Sinto que consegui alcançar um nível bastante confortável, que me deixa muito mais confiante do que quando iniciei o curso.

Quais foram os maiores lições que absorveu com essa experiência? No meu caso, fui a um lugar onde a mentalidade das pessoas é diferente, por isso aprendi maneiras diferentes de resolver problemas no Brasil que já foram resolvidos a muito tempo na Nova Zelândia, além disso foi bom para aprender a enxergar o mundo sob outra perspectiva, e perceber que nem sempre as coisas são do jeito que a gente pensa.

































Pelas fotos deu pra perceber que mais do que uma viagem, cada intercâmbio é uma experiência pra vida toda! Novas pessoas, novos lugares e uma mala cheia de memórias, aprendizados e muita expectativa pro futuro. 

Quem vai embarcar com a gente para as próximas aventuras?! Embarque no mundo com a gente! 

8 de fev de 2019

Intercâmbio em uma das 07 melhores cidades do mundo de 2018 (ou em todas): vamos?

Leitores da revista de viagens de luxo Conde Nast Traveller elegeram as melhores cidades do mundo do ano de 2018 e reuniram as escolhidas em uma lista de 20 cidades. A lista se divide em duas: as 10 melhores cidades pequenas e as 10 melhores cidades grandes para conhecer. 

Cerca de 429 mil pessoas participaram da votação - um bom número para resultados confiáveis! E a gente reuniu aqui algumas delas onde é possível realizar um intercâmbio. Vamos aos resultados?!


Auckland | Nova Zelândia



Centro financeiro da Nova Zelândia, Auckland está rodeada de modernidade, qualidade de vida e uma natureza exuberante. É sinônimo de boa gastronomia, cruzeiros e atividades esportivas como o surf. West Coast é uma de suas praias mais famosas e, a apenas 40 minutos, também é possível conhecer a paradisíaca ilha Waiheke. Para os consumidores de plantão, a cidade também é um excelente centro de compras. Para os mais aventureiros, Auckland dispõe de 48 vulcões por seu território, o que rende ótimas trilhas e paisagens incríveis. Pronto pra aventura?



San Juan | Porto Rico



Capital e maior cidade de Porto Rico, San Juan reúne quase toda a população do país e é um pedacinho dos Estados Unidos no oceano. Por isso, abriga uma beleza natural incrível: imagina só uma cidade que, na verdade, é um arquipélago em meio ao Mar do Caribe! Porto Rico também abriga a Old San Juan, a cidade antiga do século XVI, muito bem preservada. Além de natureza e história, San Juan também é sinônimo de cultura. O centro com casinhas coloridas, as ruelas estreitas, as praças e museus. Apesar do nome espanhol, por lá também se fala inglês, possibilitando o intercâmbio!


Quebec | Canadá




Uma cidade com feições do século XVII, com catedrais e castelos históricos, e que teve forte influência da cultura francesa (deu pra perceber pelo nome, né?). Esta é Quebec, uma província autônoma do Canadá que, além de receptiva, possui um processo de imigração exclusivo e, por vezes, mais simples do que outros, já que o idioma é francês e gera menor concorrência. A taxa de aprovação costuma ser alta! Para quem embarcar em um intercâmbio por lá, pode escolher se deseja estudar inglês ou francês. Prepare-se para encontrar alta qualidade de vida com baixo custo. Transporte público de qualidade, instituições de ensino de alto nível e ainda diversas opções de lazer, como os pontos turísticos do século XVI ou aventuras no Parc de la Chute-Montmorency.


Sevilha | Espanha




Dança flamenca, touradas e culinária regional são alguns dos temperos que fazem parte de um intercâmbio em espanhol para Sevilha, a quarta maior cidade da Espanha! A cidade não é das maiores, tem um ritmo mais calmo e, nas horas vagas, tem muitas opções de lazer. Passeios de barco ou de bicicleta pelo centro antigo, conhecer vilas e igrejas históricas ou dar um pulo até a moderna construção de madeira Metropol Parasol que, dizem, parece um waffle gigante! Não pode faltar a ida ao Museu de Belas Artes, que reúne 600 anos de arte espanhola em um só lugar. Partiu?



Zurique | Suíça


Relógios de qualidade, queijos tradicionais, belos lagos e montanhas: esses são alguns dos ícones relacionados à Suíça! Zurique, que parece, mas não é a capital da Suíça (a capital é Berna), é daquelas cidades em que tudo funciona da forma certa. Transporte público de qualidade, uma boa quantidade de ciclovias e uma população educada. O intercâmbio é em alemão, mas as opções de idioma para se comunicar são três: alemão, francês e inglês. 


 ✈   ✈    ✈  ✈  ✈    ✈  ✈  ✈  

Depois de conferir essas cinco super opções de intercâmbio, basta escolher que idioma você mais se interessa e qual desses destinos se encaixa melhor no seu perfil de cidade! Se algo mais urbano e moderno ou se um lugar de ritmo mais calmo. Se um destino mais aventureiro ou mais cultural. 

A escolha é sua e nós estamos sempre aqui, disponíveis para te ajudar em uma das melhores aventuras de sua vida. Embarque no mundo com a gente!