..

15 de fev de 2019

Intercâmbio em Auckland: aventura no paraíso neozelandês

Olha só a cidade que vamos falar hoje e o que ela tem! 😎

💙 3º lugar no ranking de cidades com melhor qualidade de vida do mundo
💙 
48 vulcões pelo território
💙 102 praias


Só com essas três qualidade, não dá pra imaginar nada menos do que um lugar paradisíaco, né?! Isso tudo você pode encontrar Auckland, na Nova Zelândia! 

Agora, olha só o que tem mais por lá!

Auckland | Nova Zelândia


Centro financeiro da Nova Zelândia, Auckland está rodeada de modernidade e uma natureza exuberante. É sinônimo de boa gastronomia, cruzeiros e atividades esportivas como o surf e, a apenas 40 minutos, também é possível conhecer a paradisíaca ilha Waiheke. Para os consumidores de plantão, a cidade também é um excelente centro de compras. 

Quem desfrutou disso tudo foi o nosso entrevistado de hoje, o Gabriel, em um intercâmbio em inglês pelas terras neozelandesas. Vamo ver o que ele contou?! 


Que motivos impulsionaram você a realizar um intercâmbio? Principalmente o que me levou a fazer o intercâmbio foi a necessidade no mundo moderno de se ter domínio da língua inglesa, mas com certeza a vontade de viajar e conhecer outras culturas também influenciou.

Como foi o período anterior à viagem, de pesquisas, organização e preparação? A agência cuidou de tudo, só tive que conversar algumas vezes com a Natasha Cunha, que me passou todas as dicas e instruções e me ajudou na organização.

E quando chegou em Auckland, quais foram as suas primeiras impressões da cidade? A primeira impressão de Auckland foi de achar a cidade ao mesmo tempo pequena e aconchegante, mas também grande e sempre com muitas atividades pra fazer.

Como foi a dinâmica das aulas? Tive aulas bastante interessantes, que combinavam discussões acaloradas, debates organizados, testes, leituras acadêmicas e realização de redações.

O que destaca de diferencial nas aulas e/ou no cotidiano que foi fundamental para seu aperfeiçoamento em inglês? O diferencial foram os debates que o professor criava, separando os alunos em grupos e forçando-os a defender um ponto de vista de maneira muito interessante.

O que aproveitou para conhecer nas horas livres? Nas horas livres conheci praias bonitas, ilhas paradisíacas e festas tão malucas quanto as pessoas nelas. Mas tão bom quanto conhecer lugares foi conhecer pessoas, lembrarei pra sempre.



Como avalia a sua evolução no aprendizado do idioma, ao concluir o intercâmbio? Sinto que consegui alcançar um nível bastante confortável, que me deixa muito mais confiante do que quando iniciei o curso.

Quais foram os maiores lições que absorveu com essa experiência? No meu caso, fui a um lugar onde a mentalidade das pessoas é diferente, por isso aprendi maneiras diferentes de resolver problemas no Brasil que já foram resolvidos a muito tempo na Nova Zelândia, além disso foi bom para aprender a enxergar o mundo sob outra perspectiva, e perceber que nem sempre as coisas são do jeito que a gente pensa.

































Pelas fotos deu pra perceber que mais do que uma viagem, cada intercâmbio é uma experiência pra vida toda! Novas pessoas, novos lugares e uma mala cheia de memórias, aprendizados e muita expectativa pro futuro. 

Quem vai embarcar com a gente para as próximas aventuras?! Embarque no mundo com a gente!